Aquivos por Autor: GBCAN

Hj Carlos Zaith completaria 62 anos.

Publicado em Sem categoria | Etiquetas , , , , , | 1 Comentário

Hohoho

Publicado em Sem categoria | Publicar um comentário

Organizando e agilizando o descenso com o GBCan

Publicado em Sem categoria | Publicar um comentário

Progressão Vertical Passo a Passo (em nove atos)

Publicado em Sem categoria | Etiquetas , , , , , , , | 1 Comentário

Nós para Canionismo

Nós de amarra no CanionismoCarlos Roberto Alcântara de Rezende Os Nós de amarra possibilitam fazer alças, blocagens, ligam pontas de cordas e compõema montagem de diversos sistemas no canionismo. Sem eles, as cordas não teriam utilidade e não seria possível … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Etiquetas , , , , | Publicar um comentário

Saltos no Canionismo

Autor: Carlos Roberto Alcântara de Rezende O canionismo tem suas origens no final do século dezenove com o Édouard Alfred Martel, considerado o pai da espeleologia. Nas expedições, os cânions se misturavam às cavernas, demandando técnicas diferenciadas que moldaram o … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 2 Comentários

Equalizações em ancoragens de progressão

No canionismo a falta de espaço nas chapeletas foi sempre um problema. Mesmo com as chapeletas de argola que possuem uma maior área útil esse problema persiste. A necessidade cria a solução, que nesse caso é muito simples e antiga: … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Publicar um comentário

Utilização de costuras no Canionismo:

Publicado em Sem categoria | Publicar um comentário

Freio Oito e História

Por: Luiz Lo Sardo Neto Existem vestígios que comprovam o início do “canionismo moderno” entre os anos de 1960 e 1970, contudo a atividade decolou nos anos 80. Rapidamente rompeu as fronteiras da França, em seguida da Europa e assim … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Publicar um comentário

Definição Cotação do Cânion

DEFINIÇÃO DO SISTEMA DE COTAÇÃO A cotação é válida para um descenso comum, correspondendo ao período habitual da prática, portanto em um nível normal, sem necessariamente estar muito baixo. A cotaçao é calibrada para um grupo de cinco pessoas, em uma … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Publicar um comentário